A cidade

       Em meados do sec. XIX, a região do Vale do Mucuri, onde se situa Bertópolis, era um imenso sertão habitado por vaqueiros, garimpeiros e tribos indígenas. Em 1851, Teófilo Otoni inicia o processo de colonização, com a Companhia do Mucuri, cujo objetivo era dar a Minas uma saída para o mar. Em uma área demarcada pelo pioneiro Berto Gonçalves, várias moradias foram se aglutinando ao redor da praça que ficou conhecida como Comércio dos Bertos, apelidada também de Xangrilá, devido a sua paisagem e suas terras férteis.

      Até o final da primeira década do século XX, apenas os indígenas da tribo Maxakali habitavam a região Pastoril de Nanuque, onde hoje se situa o Município. A partir de então, vários posseiros marcaram suas presenças no Vale do Ribeirão das Umburanas. Dentre pioneiros, mereceu especial destaque o Sr. Berto Gonçalves da Cruz, fundador do povoado, que por este fato ficou conhecido como Bertos. Mais tarde, com o surgimento da primeira capela e escolha de São José como padroeiro da povoação, passou a ser chamada de São José da Boa Vista, cognome doado por Frei Peregrino Loerakher, pároco de Machacalis (Norte), primeiro Pároco a visitar o Vale do Umburanas.

     Os ocupantes das regiões circunvizinhas, atraídos pela notícia da alta fertilidade das margens do Umburanas, pela fundação de uma povoação dentre as encantadoras paisagens, fluíram quase que em massa, povoando rapidamente toda a região, desmatando, formando pastagens e cultivando, favorecendo o crescimento do povoado. Em 1948, o Comércio dos Bertos é elevado a distrito de Águas Formosas com o nome de Bertópolis. Finalmente, é emancipado em 1962.

Formação Administrativa

        Distrito criado com a denominação de Bertópolis (ex-povoado de São João da Boa Vista), pela lei estadual nº 336, de 27-12-1948, subordinado ao município de Águas Formosas. Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Bertópolis, figura no município de Águas Formosas. Pela lei estadual nº 1039, de 12-12-1953, o distrito de Bertópolis deixa de pertencer ao município Águas Formosas para ser anexado ao novo município de Machacalis (ex-distrito de Norte). Elevado á categoria de município por essa mesma lei. Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de Bertópolis, figura no município de Machacalis.

      Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960. Elevado á categoria de município com a denominação de Bertópolis, pela lei estadual nº 2764, de 30-12-1962, desmembrado de Machacalis, constituído de 2 distritos: Bertópolis e Umburaninha, ambos desmembrados de Machacalis. Instalado em 01-03-1963. Pela lei estadual nº 6769, de 13-05-1976, é criado o distrito de Balbinópolis (ex-povoado de Santa Helena) e anexado ao município de Bertópolis. Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 3 distritos: Bertópolis, Balbinópolis e Umburaninha.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1991. Pela lei estadual nº 10704, de 27-04-1992, desmembra do município de Bertópolis, o distrito de Balbinópolis. Elevado à categoria de município com a denominação de Santa Helena de Minas. Em divisão territorial datada de 2001, o município é constituído de 2 distritos: Bertópolis e Umburaninha. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.